Educação - O sistema de ensino na Áustria

26.07.2018

O sistema de ensino da Áustria é um assunto que gera muitas dúvidas em quem planeja se mudar para cá, já que é bem diferente do sistema brasileiro. No post de hoje contaremos como é cada fase escolar aqui em Viena, onde moramos. Vale lembrar que o sistema pode apresentar pequenas diferenças de um estado para o outro. Como o Nicolas está no jardim de infância, esta é a fase que eu mais tenho informações para compartilhar.

 

 

Licença-maternidade

 

Antes de mais nada é preciso saber que a licença-maternidade na Áustria é de no mínimo 1 e no máximo 3 anos para a mãe e até 2 meses para o pai. É isso mesmo! E você escolhe quanto tempo deseja ficar em casa, cuidando do seu filho, enquanto recebe uma ajuda financeira do governo – a última vez que chequei, o valor era de 15.000 €, dividido pela quantidade de meses de licença que você escolher.

 

Jardim de infância / Kindergarten

 

Sabendo disso, conseguir uma vaga para seu filho em um jardim de infância (aqui chamados de “kindergarten”) antes dos 3 anos é algo improvável - mas não impossível -, pois o governo acredita que o melhor para a criança é estar com a mãe antes desta idade. Caso a mãe comprove que retornará ao trabalho (ou fará faculdade, por exemplo) antes da criança completar 3 anos e o pai também comprove que trabalha, neste caso será mais provável encontrar uma vaga – mas não será fácil.

 

A partir dos 3 anos a vaga em um kindergarten, público ou privado, é direito da criança. Para aplicar para uma vaga pública, é necessário inscrever a criança em um órgão chamado MA10 e então colocar seu nome na lista de espera do jardim desejado dentro de seu distrito (aqui os bairros são chamados de distritos). Caso os pais desejem que a criança frequente um jardim público de um bairro diferente do seu, é importante saber que o governo provavelmente não providenciará a vaga, pois são priorizadas as crianças que moram próximas.

 

Isso não acontece com jardins privados, ou seja, os pais podem morar em qualquer lugar da cidade e inscrever seu filho onde desejarem, vai depender apenas de disponibilidade de vaga. Também não é necessário solicitar a vaga ao governo, e sim diretamente à direção do jardim de infância.

 

A inscrição, tanto para um jardim público como para um privado, costuma ser feita com 1 ano de antecedência para que a criança não corra o risco de não conseguir a vaga onde os pais desejam que ela fique.

 

Uma coisa que eu particularmente acho super bacana nos jardins de infância daqui é que as crianças são acostumadas desde cedo a sair para passear. Elas são levadas pelas professoras até o parque, visitam jardins, museus... aprendem a andar na rua, a pé, e também a utilizar o transporte público.

 

 

Custo do kindergarten público x privado

 

O kindergarten público é gratuito, mas a alimentação da criança deve ser paga pelos pais – em torno de 65 € por mês. Já a mensalidade de um kindergarten privado custa entre 130 € e 300 € + subsídio do governo. Esse subsídio é um direito de todo cidadão que reside na Áustria e é de aproximadamente 180 €. O valor não chega a passar pelas mãos da família, ele vai direto para o jardim de infância.

 

Férias do kindergarten

 

As férias do jardim de infância acontecem em agosto, que é o mês que antecede o início do ano letivo escolar. Em alguns jardins esse recesso pode começar no início do mês de julho, deixando a criança em casa por até 9 semanas.

 

Neste caso, se ambos os pais trabalham e não tem com quem deixar a criança, a opção mais comum é contratar uma babá (aqui chamada de "tagesmutter"). Na Áustria o normal é que os pais levem a criança até a casa da pessoa, pois normalmente ela já cuida de outras crianças. Mas existem exceções, é claro, de pessoas que aceitam cuidar da criança na casa dos pais.

 

Ensino fundamental / Volksschule

 

Crianças que completam 6 anos até 1º de setembro já ingressam no ensino fundamental (aqui chamado de "volksschule") no mês de setembro. Lá elas permanecerão pelos 4 anos seguintes.

 

 

Ensino médio

 

Com 10 anos completos a criança entra no ensino médio, onde ficará até seus 14/15 anos. Esta fase é dividida entre ginásio e escola intermediária, e o aluno pode escolher qual deseja seguir.

 

Ensino médio > Ginásio

 

O ginásio é uma preparação para a universidade, sendo assim, o nível de exigência em todas as disciplinas é bem alto. Após sua conclusão, é necessário realizar uma prova chamada Matura, e somente quem passar nesta prova terá direito a ingressar em uma universidade.

 

Existem duas formas de entrar em uma universidade: através de um prova realizada pela própria universidade ou apresentando suas notas e qualificações – neste último caso, se a universidade se contentar com o desempenho do aluno, ele é dispensado da prova e é convidado a se matricular.

 

Ensino médio > Escola intermediária

 

A outra modalidade é para adolescentes que não tem intenção de entrar numa faculdade, e sim, em uma escola profissionalizante, que é totalmente focada na preparação para o mercado de trabalho. Neste caso não é necessário realizar a prova Matura, o aluno já sai da escola intermediária apto a ingressar em um curso técnico de sua escolha.

 

Share on Facebook
Please reload

Posts em Destaque

Visto de permanência e cidadania austríaca

06.11.2018

1/3
Please reload

Posts Mais Recentes
Please reload

Siga a Gente
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
Nosso Canal
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Desde 2017 por Bruna Schaefer

Todos os direitos reservados